O que são NFTs e o que representam no mercado de games


0
605d0488ee1b6c4ff02890e5 mirandus minotaur large

Se você é uma pessoa bem informada já deve ter ouvido falar em NFTs. E esses NFTs estão cada vez mais presentes  no mercado de games, onde produtoras estão até procurando especialistas nisso para auxiliar na produção dos jogos. Então, se vai fazer parte do futuro dos games, é bom que a gente já saiba do que se trata. E eu vou te explicar tudo que você precisa saber sobre NFTs no artigo de hoje, então fica comigo!

 

O que são NFTs?

Um NFT é basicamente um Token não fungível. Ele ser não fungível, significa que é único e não pode ser substituído por outra coisa. Dando um exemplo da área, um bitcoin é fungível, você pode trocar um por outro bitcoin que você terá basicamente a mesma coisa. Mas uma skin do personagem X do jogo Y, que é “ultra mega blaster rara e edição limitada com apenas uma unidade”, é uma coisa não fungível, e se você trocar por outra skin qualquer, você terá algo completamente diferente daquilo que era único.

NFTs fazem parte do blockchain Ethereum, e se você não sabe, Ethereum é uma criptomoeda, como o Bitcoin, mas seu blockchain também suporta esses NFTS, que basicamente armazenam informações extras, que o diferenciam da moeda. Qualquer coisa digital pode vir a se tornar um NFT, praticamente. Desenhos, músicas, vídeos, e o que mais você imaginar.

Por exemplo, se alguém achar que seus tweets podem virar obra de arte no futuro, você pode tentar vendê-los. O Bilionário Jack Dorsey fez isso, ele tentou vender seu primeiro Tweet como um NFT.

Comprar este tweet seria como comprar um autógrafo. Pois o autor daquela “obra”, entre aspas nesse caso, estaria te vendendo um certificado digital do tweet. O tweet foi vendido por $ 2,9 milhões. Muito dinheiro…

Como funcionam nos games?

Nos games os NFTs funcionam como o nosso exemplo da skin mais acima. Em que os jogadores adquirem a propriedade de itens digitais e originais. Pensem em algo extremamente limitado vinculado a eventos e desafios no jogo, até os desenvolvedores de jogos poderiam brincar aqui, para incentivar os jogadores. Como dar um item aos primeiros 10 jogadores que terminarem um evento, poderiam adicionar skins de armas ou personagens de maior raridade e etc.

Caso Mirandus

Um caso em que podemos ilustrar bem o uso de NFTs em games, é o de Mirandus. Mirandus é um MMORPG ambientado em um mundo gigantesco, governado por cinco monarcas. A principal diferença de Mirandus para outros games é a sua mecânica de propriedades. Em que você precisa ter um ativo desses, para guardar os itens que não cabem na sua mochila.

O negócio aqui é que os NFTs neste game, são as próprias propriedades. E duas propriedades do game já foram vendidas por 2.320 ETH, aproximadamente US $ 3,5 milhões, a Cidadela do Sol e a Cidadela das Estrelas.

Estes são NFTs verdadeiramente únicos, pois há apenas um de cada uma das cidadelas, sol, vento, terra, lua e estrelas. Abaixo das cidadelas, em raridade e custo, estão cidades, vilas, aldeias, postos avançados e propriedades rurais. Os proprietários poderão alugar partes de suas propriedades para jogadores, que podem então estabelecer lojas para gerar sua própria renda no jogo. Esse é o que a gente pode chamar de belo exemplo, hein!

Espero que tenham gostado do artigo de hoje e que vocês tenham aprendido um pouco mais sobre o NFTs, não sei vocês, mas eu aprendi fazendo a pesquisa desse texto. Se você curtiu não esquece de nosso podcast na sua plataforma preferida, e nos seguir no Twitter, Instagram e Facebook. Ah, não esquece de passar no nosso canal do YouTube, também.

Mais matérias do Espertize:

Xbox anuncia novo ‘Fable’

GTA 6: data de lançamento, mapa e tudo que sabemos até agora


Gostou? Compartilhe com um amigo

0
Ramon Felix

Entusiasta a games e qualquer coisa relacionado ao mundo da tecnologia.